Ter você como seguidora é a própria felicidade

27 de julho de 2009

Por que se escreve?

Para dar forma aos pensamentos,vida às lembranças, continuidade às ideias. E tudo aquilo que um dia foi escrito,não irá morrer no anonimato. Ficará presente na eternidade. Assim, quem sabe, ter a satisfação de ver que aquilo que se escreveu elevar o pensamento de um simples leitor. Para o alto, é claro! Assim me senti, ao me deparar com um livro, na casa da minha sogra em cima de um móvel, dias passados. O livro veio adornado de uma caixinha florida onde se lê: "garden carnation", jardim de cravo e de sonhos ... "A cozinha da Alcobaça - receitas e histórias" de Laura Góes, editora Terceiro Nome, ficará para posteridade. Não nas prateleiras de uma biblioteca, ficará na memória daquele que tiver um dia a felicidade de tê-lo em mãos... O livro é para se ler, salivar, degustar com os olhos e com a alma. Minha sogra, Maria Helena, recebeu de presente do irmão primogênito. Autografado. Raridade.

26 de julho de 2009

<< As flores do meu jardim >>

"Plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende que realmente pode suportar, que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!" William Shakespeare

25 de julho de 2009

Pleonasmo com Humor [...]

video

CRIANÇA DIZ CADA UMA :) :)

Mariana estava conversando com a sua professora. A professora disse que era fisicamente impossível que uma baleia engula um ser humano porque apesar de ser um mamífero muito grande, a sua garganta é muito pequena. Mariana afirmou que Jonas foi engolido por uma baleia. Irritada, a professora repetiu que uma baleia não poderia engolir nenhum ser humano; era fisicamente impossível. Mariana então disse:- Quando eu morrer e for pro céu, vou perguntar a Jonas. A professora lhe perguntou:- E o que vai acontecer se Jonas tiver ido pro inferno?A menina respondeu:- Aí... a senhora pergunta.

Uma professora de creche observava as crianças de sua turma desenhando. Ocasionalmente passeava pela sala para ver os trabalhos de cada criança. Quando chegou perto da Clarinha, que trabalhava intensamente, perguntou o que desenhava. Clarinha respondeu:- Estou desenhando Deus. A professora parou e disse:- Mas ninguém sabe como é Deus. Sem piscar e sem levantar os olhos de seu desenho, a menina respondeu:- Saberão dentro de um minuto.

A Karlinha, uma honesta menina de sete anos, admitiu calmamente a seus pais que Luis Miguel havia lhe dado um beijo depois da aula:- E como aconteceu isso? - perguntou a mãe assustada:- Não foi fácil - admitiu a pequena senhorita - mas três meninas me ajudaram a segurá-lo!

Um dia, uma menina estava sentada observando sua mãe lavar os pratos na cozinha. De repente, percebeu que sua mãe tinha vários cabelos brancos que sobressaíam entre a sua cabeleira escura. Olhou para sua mãe e lhe perguntou:- Porque você tem tantos cabelos brancos, mamãe?A mãe respondeu:- Bom, cada vez que você faz algo de ruim e me faz chorar ou me faz triste, um de meus cabelos fica branco. A menina digeriu esta revelação por alguns instantes e logo disse:- Mãe, porque TODOS os cabelos de minha avó estão brancos?

Renatinho, de três anos, foi com seu pai ver uma ninhada de gatinhos que haviam acabado de nascer.De volta a casa, contou, com excitação, para sua mãe que havia gatinhos e gatinhas. - Como você soube disso? - perguntou a mãe. - Papai levantou um por um e olhou por baixo – respondeu ele, pensativo - acho que ali estava a etiqueta.

Todas as crianças haviam saído na fotografia e a professora estava tentando persuadi-los a comprar a cópia da foto do grupo. - Imaginem que bonito será quando vocês forem grandes e todos disserem: - 'Ali está Catarina, é advogada', ou também - 'Este é o Miguel. Agora é médico'. Ouviu-se a vozinha vinda do fundo da sala: - E ali está a professora. Já morreu...

Maria Eduarda, uma menina muito meiga, se aproxima da avó e diz:- Vovó, tu gosta de ouvir história?- Muito - Mas gosta mesmo? - Mesmo - Posso contar?- Pode - Você não se zanga? - Não zango, pode contar... E a menina começa a estorinha : - Era uma vez... lá no banheiro... sabe?... um vidro de água de colônia... que eu quebrei... sabe?

O menino ouvindo a mãe contar sobre o milagre da multiplicação dos pães e peixes, pergunta: - Mamãe o que é milagre?- Ora seu bobo – responde o irmão de quatro anos. – Milagre é mágica de Deus...

20 de julho de 2009

[Senta-te aqui, AMIGA ...]

Senta-te a meu lado, Amiga… conta-me suas histórias…
faz-me acreditar no teu mundo, aquele mundo onde ninguém entra, sem sua permissão,
pois só tu tens a chave da amizade…
Deixa-me percorrer os céus contigo, viajar nas asas da fantasia e sentir a liberdade de voar…
Esperar e te ouvir…
no silêncio, palavras mudas trazidas pelo vento…
palavras de paz…
palavras de sonhos ...
palavras de vida…
Senta-te aqui, Amiga … fala-me de ti…
[todos os créditos da fotografia e texto da galeria de Miguel Andrade]
===================================================
A todos aqueles que possuem em suas vidas,
próximo ou distante,
pelo menos UM amigo verdadeiro...
retribua também com sua amizade,
sua compreensão, seu carinho, sua alegria,
sua solidariedade, sua atenção e sua lealdade.
Feliz dia do Amigo!

17 de julho de 2009

Acessórios de PAREDE ...

As inúmeras paredes da sua casa, seja a sala, os quartos, o corredor, a cozinha, a sala de tv, a varanda, banheiro, a área de serviço, hall de entrada (...) Com toda certeza irão se alegrar com um(s) acessório(s) para enfeitá-las. Com gosto e muito Amor, tudo é bem-vindo!

16 de julho de 2009

Skol cria um concurso para “Dia do Amigo”

Para divulgar e celebrar o Dia do Amigo, comemorado mundialmente no dia 20 de julho, a Skol criou um concurso cultural interativo. O ganhador será premiado com uma festa em um cenário paradisíaco. Para concorrer à festa em uma ilha, os internautas devem acessar o endereço - www.youtube.com/diadoamigoskol - e postar, até o dia 21 de julho, um vídeo com o tema “Roda de Amigos Mais Redonda do Planeta”. Um júri especializado selecionará o vídeo mais criativo e o vencedor poderá levar 49 amigos para festejar a data em uma ilha. Além disso, os cem finalistas serão presenteados com um kit composto por churrasqueira, cooler, guarda sol, mesa, cadeiras, copos, petisqueiras, entre outros itens, que deixarão as reuniões entre amigos ainda mais divertidas. E aí quem se habilita?

15 de julho de 2009

A Vida

Por muito tempo eu pensei que
a minha vida fosse se tornar uma vida de verdade. Mas sempre havia um obstáculo no caminho,
algo a ser ultrapassado antes de começar a viver,
um trabalho não terminado, uma conta a ser paga.
Aí sim, a vida de verdade começaria.
Por fim, cheguei a conclusão de que esses obstáculos eram a minha vida de verdade.
Essa perspectiva tem me ajudado a ver que não existe um caminho para a felicidade.
A felicidade é o caminho!
Assim, aproveite todos os momentos que você tem.
E aproveite-os mais se você tem alguém especial para compartilhar,
especial o suficiente para passar seu tempo;
e lembre-se que o tempo não espera ninguém.
Portanto, pare de esperar ...
até que você termine a faculdade;
até que você volte para a faculdade;
até que você perca 5 quilos;
até que você ganhe 5 quilos;
até que você tenha tido filhos;
até que seus filhos tenham saído de casa;
até que você se case;
até que você se divorcie;
até sexta à noite;
até segunda de manhã;
até que você tenha comprado um carro ou uma casa nova;
até que seu carro ou sua casa tenham sido pagos;
até o próximo verão, outono, inverno;
até que você esteja aposentado;
até que a sua música toque;
até que você tenha terminado seu drink;
até que você esteja sóbrio de novo;
até que você morra.
E decida que não há hora melhor para ser feliz do que agora mesmo.
Lembre-se: Felicidade é uma viagem, não um destino. "Quem tem um porquê viver, encontrará, quase sempre o como."
Essa reflexão, é de autoria de Henrique de Sousa Filho, mais conhecido como Henfil, um grande cartunista, quadrinista, jornalista e escritor brasileiro.

Esse aí é o Pitter Júnior, o Juju para os íntimos. Ele que me recebe feliz quando chego em casa, não importando o tempo em que ficou sozinho, lá fora, sentado na varanda, aguardando a minha chegada. Ele que me ouve e me entende. Ele que ouve meus segredos e não conta prá ninguém ... Cachorro é TUDO de bom
Dá só uma espiada na carinha de desconfiado do meu gato Dim-Dim Rumão? Ele não é mesmo fofinho?

11 de julho de 2009

Um blog pra chamar de meu!

Como é complicado dar um nome a um blog. Ainda mais se esse estiver a nascer de parto prematuro, sem chances de mudar o rumo da estória. Gosto de bisbilhotar os blogs alheios, às vezes concordando e muitas vezes nem tanto com as coisas ali postadas. Mas daí a ter um só seu, com idéias só suas, tem uma enorme ponte que separa esses dois mundos. O real do fictício. Mas vamos lá, vou amamentar essa cria da melhor forma que me for possível. Experiência no ramo zero mas a vontade de seguir em frente é bem grande!